segunda-feira, 16 de setembro de 2013

voltar.

Porque você não volta para aquela sua vida que você nunca quis sair ? Aquela vida que você achava que fosse perfeita, aquela que você queria que fosse perfeita. Volta pra ela, e todos aquele zigue e zague que você fazia, volta ter a esperança de um amor eterno, volta pro vazio, pra dor, para as noites em claro pensando no que pode vir pra sua vida. Aceite o fato da mudança, das perdas, aceite o que ninguém gosta de admitir. Faça o que quiser. Mas seja sincero com você e comigo, vamos cair na real, vamos admitir que murro em ponta de faca só corta ainda mais o coração.Vamos nos realçar, nos permitir novas pessoas, novos problemas, novos dilemas, novos amores. Vamos tentar não voltar para o ruim, mas tentar resgatar o que era de mais precioso. Ignore os pedidos e as clemencias daqueles que não soube valorizar o que era bom. Mais uma vez, seja sincero diante de tudo que você vê. Não minta pra mim, não minta para o passado, para o futuro, não fuja dele, não minta para você. Eu prometo parar de investir em pessoas desnecessárias, se você prometer que seu cansaço não vai acabar com tudo. Todos tem medos e problemas absurdos, o seu não pode e nem deve ser o pior do mundo, então pegue sua caixa de problemas e vá resolve-los, não precisa expor. Volte ter aquele sorriso, aquela vontade boa de viver a vida. Volte a ter desejos insanos, e vontade de fazer loucuras, volte a ter consciência de que ser feliz depende só de você.

Voltar pode até não sei uma má ideia. O que diferencia é como você pretende voltar. E o que você vai fazer para que nada seja como antes.

Um comentário:

Mia Canavarro (Miriã) disse...

Que lindo, estou vivendo exatamente isso...