quinta-feira, 26 de março de 2009

manhas de outono

O sol levemente batia na janela do quarto, eu escutava o barulho do vento entre as folhas das arvores, eu ainda não tinha aberto meus olhos, mais sentia a luz do dia em volta, sai e senti o vento no meu rosto, pessoas na rua com casacos, olhos esculos, cabelos ao vento, com certeza fazendo as mesmas perguntas que eu, o que será que tem para mim hoje, eu me pergunto todos os dias, o que vai ter para mim hoje, o que será que reservaram para mim, sera que já acordei dos meus pesadelos ? O sol permanecia fraco, eu observava meu tio, segurando o portao para minha mae sair com o carro da garagem, eu segurando meu cabelo, de oculos escuro, ficava vendo a expressao da face dele, cansada, olheras, olhos de um homem que corre atraz, que dá um duro danado para dar conforto para ele a familia, que não mede esforços para ir atras do que quer, olhos inchados de uma noite que não foi tao agradavel - ele não tem muitas noites boas ultimamentes -, atravessei a calçada, e o abraçei " bom dia, dormiu bem ? ", na medida do possivel, respondeu, vamos lá bebe, começar mais um dia. vaamos, completei, deu um sorriso torto e entrei no carro, não falei nada, sei lá, eu sou ultimamente a ultima pessoa para pedir conselhos, a filha dele só o decepciona, eu tento então nem tocar no assunto, ele tem suas noias e pensamentos, evitar as vezes é bom...
Pessoas, carros, ventos, barulhos logo cedo, folhas caindo das arvores e se arrastando no chão, eu observava os passaros, as crianças indo para escola, imaginava quando eu iria acordar sem dor, sem preocupação, pensava em algumas pessoas, elas passam na minha cabeça levemente, como se fosse de lei, imaginava o que queria saber hoje, com quem eu iria falar, brigar, xingar, elogiar, até chegar ao trabalho, fiquei pensando, em como nós todos deixamos nossa vida chegar a esse ponto, esse ponto de desespero, abandono, desanimos, aonde estao nossos sonhos e expectativas de vidas ? pessoas iguais a meu tio tem de monte, luta, corre atras, engole seco decepções, desgostos, brigas, intrigas, e sempre ta com um sorriso no rosto, sempre tem aquela chama de esperança dentro dele, por mais que vente nessas manhas de sol, ele espera um dia ensolarado, para poder deitar sossegado a noite, todos esperamos um dia melhor, mais talvez não iremos realmente atras desse melhor, e permanecemos lastimando sobre uma vida que não gostamos, mais não fazemos esforços suficientes para melhorar !

( Meu tio Luciano )


... e voltamos aos textos tristes, romanticos e melosos, filósofos. uahuahua. mais estou bem hoje, só nao tinha nada para escrever de interessante :)

um beeijo ;*

10 comentários:

Lorena disse...

ah, She.. mas sempre estamos insastifeitos com algo, e sempre estamos acomodados o suficiente para deixar como está.. saudades daqui! como você tá, minha linda??
beeeijos

Camila Colossi disse...

gosteei desse post, me trouxe um ar de calmariaa *-*

bejoos

Larissa Cruz disse...

Os ventos me trouxeram alguma coisa agradavel!Bjus!

Thiago Assis disse...

o tio do texto é um retrato não só do brasileiro, mas da humanidade em si... nos forçamos a viver assim, agora viveremos assim.


www.thiagogaru.blogspot.com

giih manucelli disse...

sim, amei este texto, confesso que cada palavra, cada letrinha eu imaginei *-*

beijos ;*

~*Rebeca e Jota Cê *~ disse...

Adorei!

meus instantes e momentos disse...

belo post, Ótimo teu blog, gosto daqui.
Maurizio

Mah disse...

Meu amor: Nossa vida irá funcionar futuramente de acordo com nossas escolhas de agora. :)

O que você é hoje é o que sua vida será amanhã. :)
Quem planta, colhe. Plante boas sementes.

cê sabe, EU AMO VOCÊ!:*

Mayana Carvalho disse...

"fiquei pensando, em como nós todos deixamos nossa vida chegar a esse ponto, esse ponto de desespero, abandono, desanimos, aonde estao nossos sonhos e expectativas de vidas ?"

Me pergunto isso constantemente, tentando mudar a minah forma de pensar!

Beijos

Daaniela ♥ disse...

Adorei She! Fiquei lembrando de como são as minhas manhãs... Hehe
Amor, eu troquei de blog, era do Ehpuramagia, lembra? *-*
Então, criei o Quiilometros ontem, dá uma passadinha lá depois? :}
Beeijo ;*