domingo, 25 de janeiro de 2009

mudanças de ventos .

(...)
Por isso eu resolvi encerrar o nosso prazo, o nosso prazo
Pra ver você sorrindo sem ter que invadir o seu espaço, o seu espaço
Entre você e eu ficou quase tudo intocado
Mesmo que a nossa casa caia de repente
Você vai continuar aqui intacto
Na minha vida,
Na minha cabeça confusa,
A sua vida imprevisível,
Deixou a nossa validade invisível... (...)

Não gosto dessa musica, mais achei muito parecido com meus pensamentos ultimamente...essa musica é em relação a falta de atitude, que algumas pessoas - sem explicação - começam a ter, e a unica escolha, é por um basta, ( mesmo você tendo quase a certeza de que vai acabar voltando atraz, mesmo vc tendo quase certeza que ainda morre de vontade) com o passar do tempo, é claro que você vai perceber que algumas atitudes feitas foram inuteis, mais que valeu a pena, valeu como lição, você vai amadurecendo - ou não, talvez só vai piorando - mais enfim, com o tempo voce começa a exergar a vida de outra formula, talvez algo até mais atrevido e diveritido, talvez isso possa só lhe proporcionar momentos otimos...talvez não...mais isso você só vai ficar sabendo, se arriscar - FATO - entao....


Boa sorte =D

7 comentários:

R.Vinicius disse...

No que você acredita? Está aí a resposta de todas as coisas. Qualquer ser humano procura respostas. A resposta está no que ele acredita. Se perguntar a um cético o que é o amor ele vai responder que é uma relação fundamentada na carência, no que cada um precisa. Se perguntar se é um bom negócio, alguém no ramo empreendedor vai dizer que depende de vários fatores. Se perguntar a um padre ele vai dizer que é um laço divino. São várias respostas para uma mesma questão. Quem está certo? Cada um crê em uma resposta e tem seus argumentos, embora alguns sejam racionais no argumento, outros não são. As coisas mudam? As pessoas mudam? Eu acredito que não. Acredito que existe osilações, como um seguimento que tem a mesma base. Há dualidade no ser humano; racional, emocional. Provávelmente você saiba de tudo isso, pois você é inteligente e sensível, mas o que você não sabe é se de fato vai ser bom arriscar ou não. No que você acredita? Vai estar aí parte da resposta. Como vai influenciar a sua vida? Vai depender da forma como você aceitar o fato seguinte a sua atitude de arriscar. Mudanças de vento fazem bem ao vento, ao mar, ao marujo, ao barco, mas sempre depende da expectativa de cada um. Vai ficar tudo bem.

Abraço,

R.Vinicius

A que parou para pensar ; disse...

realmente a falta de atitude é o que piora tudo, tantas coisas ruins poderiam ser evitadas se parássemos de insistir, mas com os erros que se aprende. e espero que você aprenda sempre e sempre. beeijos

Caah disse...

Ahh Feia . te amo ! profunda vc heim . =]

Mayana Carvalho.♥ disse...

Arriscar é sempre bom. Não de uma forma irresponsavel, mas de uma forma curiosa/construtiva.

Amei a mensagem!
Beijos ;)

Vandi disse...

Bom eu gosto dessa música hrsrs
Adorei sua mensagem concordo plenamente estava conversando isso com um amigo meu ontem , e nos concordamos que por mais que tenhamos cometido erros ainda assim valeu a pena pois errar é viver e aprendemos com tudo! O que não dá é ficar em cima do muro e ão agir acho que não conseguiria fazer isso também não!
Adorei sua mensagem concordo com cada palavrinha que você disse!


beijoos

Larissa F. disse...

tem selo pra vs no meu blog ;)

Dani disse...

Eu gosto dessa musica que você postou, e ontem ela não saia da minha cabeça sabe-se-la-porquee!
Crepusculo e os outros livros da série são viciantes, eu tô lendo o quarto =D (o Breaking Dawn , que em portugues é 'Amanhecer') *-*