sexta-feira, 6 de fevereiro de 2009

irritações...


Se as pessoas soubessem mesmo lidar comigo, me entenderiam, mais do que elas acham que entendem, se elas soubessem o que eu realmente penso de tudo, elas ficariam mais surpresas do que já são comigo, se elas vissem, e sentissem do mesmo jeito que eu, iriam compreender alguma das minhas atitudes, se elas soubessem o quanto tenho vontade de mudar algumas
coisas, elas me ajudariam, se elas realmente entendesse todos meus sofrimentos e paranoias, elas tentariam evitar certas situações, por mais que seja inevitaveis !
Mais como não é nada assim, eu fico aqui, no meu canto
só com minhas raivas e ideias sobre o mundo !

E não que isto mostre 2 personalidades, mais as vezes é melhor se calar e só observar do que sair porai distribuindo opiniões e
demonstrando sentimentos !


dias longos ;~

13 comentários:

R.Vinicius disse...

Oi. Eu acabei de escrever a parte seis e sete da continuação e resolvi vir aqui te ver. Eu vi a música no youtube (realmente tem muitas músicas) e procurei a letra no site da terra música. Não vou dizer que gostei, pois sinceramente ainda não a ouvi, mas já guardei nos favoritos para ouvi-lá com mais calma.

Fiquei muito contente tanto pela confiança, tanto por teres saciado a minha curiosidade. Por isso resolvi falar um pouco sobre mim, melhor dois traços. Tenho uma capacidade imensa de auto-controle e sabendo da dualidade existente no ser humano .. consigo separar o racional da emoção, isso me ajuda a discorrer sobre vários assuntos e até mesmo a escrever, mas atrapalha ter consciência de algumas coisas. A felicidade do homem não está na simplicidade, mas na sua ignorância diante os aspectos da vida.

Eu moro perto de um metrô e um Shopping da zona norte. Santana o nome do bairro. Moro perto do Shopping Center Norte. Conhece?

Adrian tera seu papel na história, como tens a senhorita um papel na minha história pessoal.

Abraço,

R.Vinicius

Marcella Castro disse...

Concordo contigo! Não sou de sair por aí distribuindo minha opinião e não acho isso errado. Ser transparente demais as vezes prejudica a nós mesmas!
Beeijo linda!

R.Vinicius disse...

Agora vou lhe falar sobre o seu post. O silêncio pode ser atormentador, mas também ter um efeito calmante. Com o tempo passamos a esperar menos; eu já não espero nada de ninguém. Às vezes é preciso ser frio e é você quem escolhe como vai seguir e se vai seguir em frente ou se vai seguir para trás.

Algo que eu sempre penso é que tudo é relativo, que tudo depende do ângulo da nossa visão. Por exemplo os defeitos e as qualidades; eu vejo que defeitos são qualidades em demasia e tudo em demasia faz mal, até mesmo o prazer; pra tudo é preciso equilibrio. Ninguém pode conhecê-la totalmente, apenas você mesma. Eu quero conhecê-la em traços e sei que pode modificar a forma como eu vejo muitas coisas e pessoas. Eu também tenho duas personalides; todo tem. A isso chamo de dualidade e não se preocupe com isso, afinal o ser humano é osilante .. uma hora quer água, outra hora quer coca-cola.

O importante nesse caminho é termos a consciência de que todos os dias são dias de descobertas .. não importa se boas ou ruins. Todos os dias estamos nos descobrindo e descobrindo as pessoas. Como quando eu estou aqui .. eu me descubro sempre mais e te vejo muito melhor, cada vez mais nitida .. e eu gosto disso.

Abraço,

R.Vinicius

Fernanda disse...

as vezes as pessoas não nos entendem,ou acaba nos entendo mal,
e isso é ruim.
irrita.

Vandi disse...

As vezes pareçe que agente gira em sintonia diferente do resto do mundo neah .
Sabe é assim mesmo, muitas vezes ninguém consegue alcançar nosso coração mas acho também que é por quê as vezes sem queres o pomos em um patamar acima entende...
Sabe até mesmo os conselhos e impressões mais nada haver sempre podem ajudar de alguma forma, te fazendo enxergar de outro angulo por exemplo.
Adorei sua última frase, linda demais, tem razão.

Obrigada pela sua presença lá no meu blogizim vc é muito importante para mim. Eu segui seu conselho fiz um post bem legal espero seu comentário lá.

beijoos gosto muito de ti :*

R.Vinicius disse...

Algo que gostaria de lhe perguntar, afinal é o modo como temos a definição de algo ou alguém. Qual o seu nome? =)

Quanto a ignorância que eu disse é no sentido de não saber algumas coisas, mas não ligado ao saber do conhecimento. Exemplo: Um homem é casado e sua esposa é infiel, mas ambos estão juntos a 3 anos e ele não sabe da traição e com isso vive feliz. O motivo dele estar feliz são tantos, mas o grande componente é o fato dele na sua ignorância desconhecer a traição da esposa que ele tanto ama. Esse é um pequeno exemplo.

Eu moro bem perto do local onde você fez a palestra na braz leme. você dá que tipo de palestra? Quem sabe um dia eu assista a senhorita.

Gosto dos seus comentários, das suas visitas e claro de estar aqui no seu blog .. seja lendo, comentando, lhe visitando quando está sumida. E como você está?

Abraço,

R.Vinicius

R.Vinicius disse...

Bonito nome o seu. O meu nome é Rodrigo Vinicius, mas como escritor assino como R.Vinicius.

Um nome pode dizer muitas coisas sobre uma pessoa, principalmente o modo como a pessoa gosta que usem o seu nome. Meu nome (Rodrigo) significa o nome de um rei famoso; um rei espanhol. O seu nome se não me engano significa a que não exerga bem. Acredita no significado dos nomes? Ou mesmo da leitura dos sonhos? Acho muito interessante os nomes, embora eu não grave com facilidade o nome de alguém, mas sim a sua fisionomia e como escritor sou péssimo com nomes.

Achei muito interessante o assunto da palestra. E gosta de psicologia? Eu já pensei em fazer psicologia ou medicina pra me especializar em psiquiatria. Acha que tem a minha cara? Me avise quando vir que se possível eu pego um panfleto ou algo assim contigo e se tiver palestra eu adoraria poder assistir; faz tempo que não vou a uma palestra .. a última na qual eu fui era sobre vendas.

Acabei de postar a sétima parte da continuação e ficarei um pouco ausente, mas não é nada demais. Quanto a sua última pergunta .. tenho 20 anos com rosto de 17 (rsrs)

Ótimo final de semana. Abraço,

R.Vinicius

Sarah S disse...

Também penso que melhor a discrição. Discrição essa que tende a ser ruim, porque assim ninguém realmente vai te conhecer, ao menos que queira mesmo, porém, antés só você mesma sabendo todos seus atos e pensamentos e saber lidar com isso, do que todos os outros e não fazerem nada.

Camila :) disse...

muitoo boom !
"...as vezes é melhor se calar e só observar..."
é assim que ajo sempree, é maais complicado pq deve-se ficar calado,mas a gente aprende muito mais !


bejoos

Nataliinha disse...

Nem a gente se entende !
Os outros entenderem a gente fica mais dificil ainda !

Beijos =)

Cadinho RoCo disse...

Fique assim não. Abra mais os seus sentidos na intenção de perceber melhor o seu ser diante de tudo e todas as coisas. Vai perceber que é mais querida do que pensa. O fato de ser ou não entendida é outro capítulo.
Cadinho RoCo

Dani disse...

Então somos iguais!
Todos os sentimentos e arrependimentos. :)
São longos dias...

Um abraço e um sorriso :)

A que parou para pensar ; disse...

é aquela historia 'dançar de acordo com a música', têm certas situações que devemos pensar bem no que fazemos ou deixamos de fazer. Mas, enfim, como você tá, linda? beeijos